Minha galinha e eu

Minha vida como eu a conheço está prestes a terminar: Vida está no cio. Odeio quando isso acontece, Apolo vira um leão, late o dia todo, inferniza a todos, mas continua tão fofinho. Quando eu o prendo em seu novo canil ele fica de pé nas patas de trás me olhando pela janela fazendo cara de bobão, mas é só soltar que ele tenta arrancar meu braço e sai uivando em direção a Vida, que sempre empina a bundinha ao sentir o cheiro dele. Parece que meus pais também são afetados pelo cio e ficam selvagens como o meu Golden, minha mãe irritante e meu pai carrancudo. God bless me.

Ontem ao me deitar para dormir após um dia cheio de atividades minha cabeça estava a mil, levei horas para cair no sono. Recordei-me de quando fui ao cinema ver um dos filmes dos Trapalhões, não me recordo o título, mas era um que tinha uma montanha em forma de galinha que botava ovos gigantescos. Ganhei uma galinha da Maggi na saída da sessão mas por ser uma galinha, e não um galo ou um G.I. Joe tive que dá-la a minha prima menos afortunada ao voltar para casa, afinal galinha não era brinquedo de menino. Que ódio que me deu, eu adorava apertar a bichinha e vê-la botar… Nem sei porque me lembrei disso, sei que aquele cinema foi fechado, acho que é agora uma loja de eletrodomésticos na rua Curitiba aqui em BH.

Ontem me diverti bastante, fui ao cinema depois da academia, vi dois filmes, a tal da Terça Imperdível é mesmo muito econômica, comi muita porcaria e corri um pouco na sequencia. Acho que estava turbinado ontem, o dia me pareceu tão longo. Não tive foi tempo de terminar o vídeo da minha sobrinha/afilhada para o seu aniversário que já é daqui a duas semanas! Minha cunhada vai me matar, mas não estou em uma fase muito criativa e se eu me dedicasse a um vídeo ele ficaria mais para família Adams do que Baby Disney essa semana.

Voltei a sonhar muito, sonhos bem realistas que geralmente me fazem sentir mal pela manhã. Sonho com pessoas do passado que de certa forma não fazem parte do meu cotidiano e não voltarão a fazer tão recentemente, por mais que eu possa às vezes querer o contrário. Isso me deixa tão feliz durante o sono, mas quando acordo fico um bagaço. Uma droga, sonhos pouco evoluídos uma vez que me fazem sofrer. Essa noite sonhei que eu desejava que minha melhor amiga estivesse solteira para ela sofrer comigo, o cúmulo do egoísmo, eu assumo ,me desculpa, mas a ideia não foi de todo ruim.

Semana que vem tem feriadão, estou aceitando convites para viagem. Eu iria para o Rio, mas meus companheiros de viajem desistiram de última hora e sozinho eu não vou.  Não gostaria de passar todos os dias em casa, sei que ficarei deprimido e desolado, preciso me mover e não deixar a cabeça vazia para ser ocupada com pensamentos idiotas. Quem sabe eu não vou pro clube pelo menos, tomar um solzinho não seria uma má ideia, estou branco como uma lagartixa.

Meu coração está se aquietando, eu me sentindo mais seguro, consigo me ver no futuro sozinho ou com uma pessoa nova. Sofri muito com minha separação, mas depois que o amor acaba não tem jeito e isso tem sido meu consolo. Eu nem tenho mais pelo que lutar, então acabou a guerra. Minha avó me dizia quando eu era pequeno que eu era um menino de muita sorte e que eu tinha nascido com a bunda virada para a lua, eu sempre ganhava o que eu queria, com ou sem fazer birra, e eu sempre me destacava entre meus coleguinhas, o mais popular, o mais gente boa e amado. Hoje não é fácil assim, a duras penas aprendi que eu não posso ter tudo o que eu quero, que nem todos vão me amar, algo bem óbvio, mas que nem por isso é simples. Meu coração está vazio, já não dói como antes, mas não sei quando ele estará pronto para uma nova empreitada.

Quadrilha na década de 80

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s